Error while translating string very long

Asked by Licio Fonseca on 2006-03-19

Error while translating {Template: Portuguese (Brazil) (pt_BR) translation of gksu in Ubuntu Dapper package "gksu"} in only 1st string.
This error is blocking my work.
IMHO, this error ocurred because the string is very long.

Question information

Language:
English Edit question
Status:
Solved
For:
Launchpad itself Edit question
Assignee:
No assignee Edit question
Solved by:
Diogo Matsubara
Solved:
2006-11-27
Last query:
2006-11-27
Last reply:
2006-11-27
Licio Fonseca (licio) said : #1

the error ID OOPS-78D530

The string translated is:

GKsu versão %s\n

Uso: %s [-u <usuário>] [-k] [-l] <comando>

  --always-ask-password, -a
    Não tenta verificar se uma senha é realmente necessária"
    para rodar o comando, ou se há outros meios de obê-la:
    simplesmente a pede.
  --debug, -d
    Mostra informações na tela que podem ser úteis para
    fazer um diagnóstico e/ou resolver problemas.
  --disable-grab, -g
    Desliga a \"trava\" do teclado, mouse e foco feito pelo
    programa quando pede a senha.
  --icon <ícone>, -i <ícone>
    Substitui o ­ícone padrão da janela com o dado com o
    argumento.
  --message <mensagem>, -m <mensagem>
    Substitui a mensagem padrão exibida para pedir a senha
    pelo argumento passado para a opção.
  --print-pass, -p
    Pede ao gksu para imprimir a senha para a saí­da padrão,
    como o ssh-askpass. Útil para ser usado em scripts com
    programas que aceitam receber a senha na entrada padrão.
  --prompt, -P
    Pergunta ao usuário se ele quer ter seu teclado e mouse
    monopolizados antes de fazê-lo.
  --ssh-fwd, -s
    Tira o host da variável $DISPLAY, para que o gksu funcione
    com tunelamento de X por ssh.
  --sudo-mode, -S
    Faz o GKsu usar o sudo ao invés do su, como se tivesse
    sido rodado com o comando \"gksudo\".\n"
  --title <título>, -t <título>
    Substitui o título padrão com o argumento dado.
  --user <usuário>, -u <usuário>
    Chama o <comando> como o usuário especificado.

  --preserve-env, -k
    Preserva o ambiente atual, não define $HOME ou $PATH, por
    exemplo.
  --login, -l
    Faz dessa uma shell de login. Note que isso pode causar
    problemas com a magica de Xauthority. Roda o xhost para
    permitir que o usuário alvo seja capaz de abrir uma janela
    na sua tela!

Best Diogo Matsubara (matsubara) said : #2

Fixed in rev 3250

Licio Fonseca (licio) said : #3

User confirmed that the request is solved.